REINALDO FILHO 24/04/2018 08:44

Fórmula Indy, NASCAR, Stock Car e Volta Rápida na Power Racing News!

Josef Newgarden vence na chuva sua segunda em 2018 no Alabama

A chuva bem que tentou, mas não conseguiu impedir a realização do GP do Alabama.

Após o adiamento da prova de domingo (22) para a segunda-feira (23), quem melhor soube domar a água que insistiu em cair hoje também, foi o atual campeão Josef Newgarden, que faturou sua segunda prova em 2018.

Largando na frente desde o início, o piloto da Penske manteve liderança confortável durante a 1h15min44s que a Indy estimou para a realização da corrida. 

A chuva voltou a cair na parte final da prova, Sebastien Bourdais tentou uma estratégia que o faria cruzar a linha de chegada com pneus de pista seca, mas o volume da chuva que voltava a cair não o ajudou, fazendo com que Newgarden retornasse à ponta.

Ryan Hunter-Reay acabopou na segunda posição e James Hinchcliffe fechou o pódio. Bourdais teve que se conformar com o quinto posto.

Os brasileiros completaram um fim de semana ruim, com Matheus Leist terminando na 12ª posição e Tony Kanaan em 18º.

Com os resultados, Newgarden se torna o novo líder da Indy 2018, com 158 pontos, contra 145 de Alexander Rossi. Sebastien Bourdais e Graham Rahal ocupam a terceira posição com 119. Kanaan é o 12º colocado com 79 pontos e Leist é o 18º com 51.

 

TOP TEN no Alabama

Pos.      Piloto

  1. Josef Newgarden
  2. Ryan Hunter-Reay
  3. James Hinchcliffe
  4. Robert Wickens
  5. Sébastien Bourdais
  6. Scott Dixon
  7. Graham Rahal
  8. Takuma Sato
  9. Simon Pagemaud
  10. Marco Andretti

A Indy volta em 12 de maio no GP de Indianápolis, usando o traçado misto do circuito.

 

Kyle Busch vence mais a terceira seguida, agora em Richmond

Texas, Bristol e Richmond. Últimas três provas e os últimos três trunfos de um só piloto: Kyle Busch.

Neste sábado (21), o piloto da Joe Gibbs Racing apareceu no final, liderando 32 das 400 voltas programadas, mas segurando o ímpeto de Chase Elliott que também apareceu com força nos últimos giros.

A 46ª vitória de Busch na CUP veio após o carro #18 ter largado na 32ª posição. Ao final do primeiro segmento ele já estava na sexta posição.

Denny Hamlin, Joey Logano e Kevin Harvick completaram o top-5 da prova.

É a segunda vez que Buschinho consegue vencer três vezes seguidas na principal divisão da NASCAR.

Em 2015, ano do seu único título, ele triunfou no Kentucky, New Hampshire e Indianápolis.

A próxima prova da CUP será Talladega, no Superspeedway.

 

Velopark recebe a Stock Car com novidades dentro e fora das pistas

Com o tempo bastante diferente em relação ao sábado, a largada da primeira corrida da etapa do Velopark foi debaixo de muito sol, com Cacá Bueno mantendo a ponta e a primeira volta sem ter qualquer confusão.

Na abertura do terceiro giro, Lucas Foresti utilizou o push-to-pass para superar Khodair e conseguir a segunda posição.

Faltando 32 minutos, Max Wilson, com problemas mecânicos, abandonou a prova. Dois minutos depois, Lucas di Grassi bateu no muro da reta principal. Com isso, o Safety Car entrou na pista. Ao mesmo tempo, Barrichello também deixava a prova, após ter sido acertado por Vitor Genz e Átila Abreu abandonava por danos à borboleta de troca de marchas.

A relargada foi dada faltando 23 minutos e Cacá manteve a ponta com tranquilidade, seguido de Foresti, Khodair, Zonta e Julio Campos.

Na 18ª volta, os pilotos puderam começar a fazer os pit stops e Cacá entrou logo na abertura do 19º giro.

Ao final do ciclo, o pentacampeão da Stock Car voltou à liderança, mas desta vez seguido de Zonta, Campos e Foresti, que foi quem mais perdeu tempo nas paradas entre os favoritos. A diferença entre primeiro e segundo era pouco mais de um segundo.

O ex-piloto da F1 começou a tirar a diferença para Cacá nos últimos minutos, mas o dono do carro #0 conseguiu se recuperar no final e não perder mais.

A terceira posição ficou com Julio Campos, seguido de Felipe Fraga e Ricardo Mauricio. 

Antes da largada da corrida dois, foi divulgado que Lucas di Grassi, Bia Figueiredo, Bruno Baptista, Rubens Barrichello, Átila Abreu e Nelsinho Piquet ganharam o push to pass adicional, pela força da votação do público.

Allam Khodair, na pole, e Marcos Gomes dividiram a primeira fila e mantiveram as posições após a largada. Daniel Serra era o terceiro colocado, seguido de Felipe Fraga e Gabriel Casagrande em quinto.

Mas o atual campeão começou a avançar, conseguindo o segundo posto, faltando 37 minutos para o fim.

Após acidente de Sérgio Jimenez, que atingiu a barreira de pneus, o Safety Car entrou em cena, para que ela fosse arrumada. Mas a intervenção foi rápida, com a relargada sendo dada a 34 minutos do fim.

Usando o push to pass, Serra assumiu a liderança quando restavam 33 minutos, aproveitando que Khodair não tinha botões de ultrapassagem.

Ao mesmo tempo, Ricardo Mauricio abandonava a prova, com problemas de suspensão. Gomes também aproveitou a impossibilidade de Khodair usar o push para assumir o segundo posto. O “Japonês Voador” perderia o terceiro lugar para Casagrande na volta seguinte.

Tuka Rocha bateu em Felipe Lapenna na chicane após a curva 1 e o carro #110 acabou ficando parado na pista, trazendo o Safety Car à pista.

Na relargada, Serra manteve a liderança, com Gomes e Fraga logo atrás. Casagrande caiu para a quarta posição.

A partir da 18ª volta, os carro começaram a fazer os pit stops. Entrando no giro seguinte, Serra trocou os pneus do lado direito. Ao final do ciclo, ele manteve o comando, tendo mais de dois segundos de diferença para Gomes.

Julio Campos, que foi o terceiro na primeira bateria, voltava a ficar em terceiro e Átila Abreu era o quarto colocado, aproveitando a quantidade de push to pass que ainda tinha.

Cesar Ramos, destaque das primeiras provas do ano, abandonou por problemas mecânicos quando faltavam sete minutos para o fim.

Nos últimos giros, Serra manteve a diferença em cima de Gomes, que também se distanciou do terceiro colocado, Campos. A dúvida no fim era se Átila conseguiria um lugar no pódio nas últimas voltas.

E mesmo com pushes a mais, Campos conseguiu garantir o terceiro lugar, praticamente dividindo o carro com Átila na linha de chegada.

A próxima etapa da Stock Car será em Londrina, no dia 6 de maio

        

Volta Rápida

- Está criada mais uma polêmica na F-1. Foi notado um elemento a mais no volante de Sebastien Vettel, tipo uma aleta, cuja mesma peça não figura no volante de Raikkonen. Desconfia-se que seja um seletor para mudanças nas configurações da unidade motora.

- A Force India, que até 2017 era considerada uma equipe que estava em franco desenvolvimento este ano parece que está sofrendo para acertar seu carro. Prova disso são as posições ocupadas por seus pilotos nas corridas. E vale lembrar que são equipadas pelos motores Mercedes.

- Nico Rosberg criou um centro de formação de novos pilotos na Alemanha. Nico, que se aposentou após conquistar o título mundial de 2016, promete lançar a nova safra para todas categorias do automobilismo mundial.

- A Ford, através de sua divisão Caminhões, fechou um patrocínio com o piloto e amigo Fábio Fogaça, para a Copa Truck. Fabinho, é filho do também piloto e Amigo Djalma Fogaça, que desde 1991 corre com o truck 72 da Ford e por muitos anos teve o respaldo da marca. Torcemos para que esse patrocínio se estenda ao Djalma também. 

- Aos amantes de velocidade e das “duas rodas”, dias 28 e 29 de abril próximos Areiópolis realizará o Areiópolis Moto Fest, com muito rock, food trucks e motos, claro. Todos os moto clubes estão convidados. 

 

Fale conosco, estamos esperando sua sugestão sobre matérias, críticas e comentários. Você, amigo leitor, é nosso principal combustível. Esta coluna é feita para você. Nosso e-mail à sua disposição 24 horas, 7 dias por semana é motor14news@gmail.com.

Parceiro: www.planetavelocidade.com.br

Uma boa semana, automaníacos. Até a próxima.

 

“O volante do Vettel tem um elemento estranho. Para que serve?

             Papo de paddock sobre uma tecla a mais que compõe o volante de Sebastien Vettel, da Ferrari.

 

Reinaldo dos Santos Filho mora em São Manuel/SP, tem 49 anos, é jornalista especializado em automobilismo, administrador de empresas, escritor, piloto profissional e membro da Irmandade M.C.. Pai do Thiago Augusto, Roberta, Luís Guilherme e Giovanna.

Matéria sob responsabilidade do autor (Mtb 82.886/SP)

colunistas

REINALDO FILHO 20/11/2018 08:44
POWER RACING NEWS 13/11/2018 08:43
POWER RACING NEWS 30/10/2018 00:14
POWER RACING NEWS 23/10/2018 08:28
POWER RACING NEWS 16/10/2018 09:20
REINALDO FILHO 02/10/2018 11:03
REINALDO FILHO 25/09/2018 10:16
REINALDO FILHO 18/09/2018 09:56
REINALDO FILHO 11/09/2018 12:54
REINALDO FILHO 04/09/2018 12:57
POWER RACING NEWS 07/08/2018 10:02
POWER RACING NEWS 24/07/2018 07:00
REINALDO FILHO 17/07/2018 06:00
REINALDO FILHO 10/07/2018 08:04
REINALDO FILHO 03/07/2018 09:02
REINALDO FILHO 19/06/2018 08:28
REINALDO FILHO 12/06/2018 09:33
POWER RACING NEWS 05/06/2018 08:55
REINALDO FILHO 29/05/2018 09:09
REINALDO FILHO 22/05/2018 09:09
Colunista 123