POWER RACING NEWS 20/06/2017 09:21

NASCAR, novidades da indústria automobilística, perigos nas estradas e Volta Rápida com Reinaldo Filho

NASCAR Monster Energy Cup em Michigan, novidades da semana da indústria automobilística, um Editorial de alerta para os perigos das estradas e claro, nossa “Volta Rápida”. Power Racing News rasgando a reta

 

NASCAR Monster Energy Cup em Michigan. Mais um final de semana emocionante 

            Kyle Larson venceu, neste domingo (18) em Michigan, após atacar “Buschinho” na reta final da prova.

            Larson, que liderou 96 voltas da corrida, vinha um pouco mais atrás na parte final, mas soube poupar equipamento para as voltas finais e com isso triunfou pela segunda vez na no oval norte-americano.

            O piloto da Ganassi cruzou a linha de chegada com praticamente um segundo de vantagem sobre Chase Elliott. Os dois repetiram a posição de chegada da etapa de Michigan de agosto do ano passado.

            Joey Logano tentou atacar na reta final da corrida, mas terminou em terceiro, seguido de perto por Denny Hamlin.

            Jamie McMurray foi o quinto e Martin Truex Jr., vencedor dos dois primeiros segmentos da etapa, não repetiu o rendimento no terço final e cruzou a linha de chegada em sexto.

            Kyle Busch parecia ter a prova sob controle no terceiro segmento, mas seguiu na pista na penúltima bandeira amarela e foi superado pelos rivais, encerrando a prova em sétimo.

Ricky Stenhouse Jr., Dale Earnhardt Jr. e Jimmie Johnson completaram o top-10 em Michigan. 

Confira o TOP TEN de Pocono:  

Pos.    Piloto                                     Carro

  1        Kyle Larson                            Chevrolet Camaro SS #42

  2        Chase Elliott                           Chevrolet Camaro SS #24

  3        Joey Logano                          Ford Fusion #22

  4        Denny Hamlin                        Toyota Camry #11

  5        Jamie McMurray                   Chevrolet Camaro SS #1

  6        Martin Truex Jr.                     Toyota Camry #78

  7        Kyle Busch                             Toyota Camry #18

  8        Ricky Stenhouse Jr.              Ford Fusion #17

  9        Dale Earnhardt Jr.                 Chevrolet Camaro SS #88

10        Jimmie Johnson                     Chevrolet Camaro SS #48

 

            O oval de Michigan favorece os carros da Chevrolet. Então Chevy Camaro SS andaram muito, atingindo velocidades de até 340 km/h e colocando 5 carros no TOP TEN. A Toyota vem logo em seguida com 3 Camry e a Ford desta vez conseguiu somente colocar 2 Fusion entre os 10 primeiros.

            Esse equilíbrio das marcas é um evidente sinal de que daqui até o final da temporada a competitividade entre elas será a cada prova mais acirrada.

            E quem ganha com isso somos nós, amantes da velocidade.

            A NASCAR descansa até dia 26 de junho, quando volta ás pistas para a disputa da 16° etapa, no Sonoma Raceway, o GP “Toyota/Save Mart 350”, Sonoma.

 

Mercado automobilístico: novidades da semana

            E a mini van virou um utilitário. Isso mesmo. Para você que é proprietário do Citroën Aircross e pensa em troca-lo pelo modelo 2018 prepare-se: o C3 Aircross só lembra do seu antecessor pelo nome e por alguns detalhes estéticos. Do mais, tudo novo.

            A começar pela carroceria, totalmente restilizada transformada em utilitário esportivo compacto.  

            A plataforma usada é a mesma da C3 Picasso, mas seu visual, totalmente novo, cheio de detalhes como faróis e filete de LED separados, contornos e detalhes pintados em diversas cores, e sua motorização que na Europa se tem 3 opções: motor 1.2 de 3 cilindros e 82cv, 12 válvulas, aspirado com câmbio manual; motor 1.2 de 3 cilindros e 110cv, 12 válvulas, turbo, com câmbio manual ou automático e, motor 1.2 de 3 cilindros e 120cv, 12 válvulas, turbo, com câmbio manual de 6 marchas. Ainda não se tem previsão de chegada do modelo no Brasil, mas estima-se que seja entre setembro/2017 a janeiro/2018.

            A Ford lançou esta semana uma versão turbo do Fiesta Hatch. O motor 1.0 de 3 cilindros e 12 válvulas ganhou um turbocompressor já na versão SEL, cujo valor parte de R$ 66.090,00. A versão TITANIUN continua oferecendo a mesma motorização por R$ 73.990,00.

            Aproveitando, a Ford lançou também a versão SE Plus do Fiesta, com motor 1.6, equipado com câmbio automatizado, controles de tração e estabilidade, direção elétrica, ar-condicionado e rodas aro 15”, por somente R$ 55.990,00. É o Fiest Hatch mais barato da marca.

            Hyundai anunciou na Coréia do Sul a Kona. SUV de visual polêmico, o principal objetivo do Kona é entrar no mercado dos SUV’s como Nissan Juke e Jeep Cherokee. Este último, vendido no Brasil, é fabricado pela divisão JEEP, controlada pela Fiat.

            O Kona terá opções de motores a gasolina e a diesel. Todos 2.0 e 149cv, aspirados e acoplados a um câmbio automático de 6 marchas. A Hyundai divulgou que a Kona vai de 0 a 100 km/h em apenas 10 segundos. A marca deixou a entender que o Kona deve chegar no Brasil no segundo semestre deste ano mas está certo sua chegada nos Estados Unidos e Europa ainda neste semestre.

            Uma excelente notícia é a de que a PUMA, tradicional fabricante de carros esportivos das décadas de 70 e 80, com carroceria em fibra de vidro e sob a plataforma do VW Fusca, voltará a fabricar carros esportivos no Brasil.

            GT Lumi é o nome do novo Puma que será fabricado pela marca. O protótipo está pronto e deverá ser apresentado primeiramente com uma versão para as pistas.

            A versão para as ruas, deverá ser apresentada em seguida mas sua venda deverá ser restrita pois sua produção será artesanal. A carroceria poderá ser de alumínio ou a tradicional fibra de vidro, marca registrada da Puma.

            A motorização escolhida será um Chevrolet 2.0, que gerará 180cv, acoplado a um câmbio manual de 5 marchas. O motor será central, bem atrás do motorista e sua tração será traseira. O conjunto perfeito para se ter um carro grudado no chão.

           A Mercedes apresentou no Salão de Buenos Aires, semana passada, sua Classe X, pick up que divide a plataforma com a inédita Renault Alaskan e a nova Nissan Frontier. A Mercedes será equipada com um motor V6 diesel, turbo que gera 258cv. Já Renault e Nissan ainda não divulgaram detalhes de seus modelos. A Nissan apresentou a Frontier como conceito no Salão.

            Honda lançou e já está à venda a versão Touring do HR-V. A versão é a mais equipada do modelo, mas infelizmente seu preço subiu consideravelmente: R$ 105.900,00.

            Para justificar esse valor, a Honda equipou o HR-V com airbags de cortina, sensores de chuva e estacionamento traseiro, luzes diurnas de LED, retrovisor interno fotocrômico (anti ofuscamento de faróis), design atualizado e outros detalhes.

            Mas, todos esses acessórios podem ser encontrados em outros modelos que estão no mercado a preços mais baratos.

            Para quem é amante de carros da Honda e não abre mão da marca, o Touring é uma boa opção.

 

Editorial

            Uma realidade que está chamando a minha atenção e acredito que a de muitos leitores: o aumento das mortes de jovens e adolescentes causadas por acidentes de trânsito com carros e motos. Sou motorista, motociclista e piloto e em 35 anos de volante, sofri apenas 1 acidente, causado por um estouro de pneu na estrada.

            Esta semana, mais precisamente no domingo, dois amigos faleceram em uma estrada aqui perto, que dá acesso de Piratininga a Bauru, depois de baterem violentamente seu carro atrás de uma carreta carregada de madeira.

            Já na semana passada, outro acidente quase que parecido levou à óbito duas outras pessoas. Também houveram acidentes fatais de moto na cidade de Bauru, divulgados pelo programa Balanço geral na Record Paulista.

            Bem, fica evidente que está havendo um grave problema na formação dos novos motoristas no Brasil.

            No tempo em que tirei minha habilitação, era obrigatória se fazer prova teórica na autoescola onde se precisava tirar uma nota mínima. Depois de aprovado, fazíamos 10 aulas de direção com carro especial e, se fossemos tirar habilitação de moto, mais 10 aulas de moto, com acompanhamento de instrutor em outra moto e manobras em parque fechado.

            Depois de tudo isso, fazíamos a prova teórica novamente, mas aí para ser apresentada ao Detran e a nota mínima era 8. Aprovado pelo Detran, o aluno tinha sua prova prática marcada e, cujos instrutores, eram agentes do Detran e os delegados da cidade. No meu caso, o Dr. Adjair de Campos, delegado de Polícia na cidade em 1986, foi meu examinador.

            Não havia a tal “habilitação provisória”, nem toda essa parafernália de se colocar a digital para inicio e final das aulas praticas. Havia sim, honestidade tanto por parte do candidato quanto das autoescolas. Hoje se paga mais de R$ 2.000,00 para se tirar a CNH e o que vemos são motoristas e motociclistas cada dia mais despreparados e inexperientes.

            Esse PL que tramita no Congresso de que o motociclista não poderá comprar motos de alta cilindrada antes de atingir certa idade eu encaro como extremamente válido e necessário, pois muitos pais acham maravilhoso dar ao filho de 18 anos, que mal sabe andar de triciclo a pedal, a CNH de carro e moto, e de presente dar um carro potente e uma moto 1000 cilindradas. Aí o cidadão provoca um acidente e, além de morrer leva alguns com ele, e nada é feito.

            Na minha humilde opinião, eu sou a favor de que, numa situação dessas, a família deverá ser responsabilizada, assim como a Lei da Pensão Alimentícia faz, pois se a pessoa obrigada a pagar pensão alimentícia a seus filhos não o faz, ele vai preso e sua família é responsabilizada a quitar a divida do “preso”.

            Essa é nossa realidade. Estou diariamente na rua, dirigindo, e o que vejo são motoboys e entregadores ultrapassando carros pela direita (errado), avançando em sinais vermelhos, andando em alta velocidade na cidade, etc. . Todas essas infrações de trânsito infelizmente não são punidas com multas pois a fiscalização é ineficiente e inexistente.

            O mesmo acontece com os carros rebaixados. A legislação rege que os veículos não podem sofrer modificações que interfiram em seu projeto original, salvo aquelas cujas modificações são inspecionadas por engenheiros competentes e que passem por inspeção e aprovação do INMETRO.

            Hoje, 95% dos carros rebaixados são ilegais, e como sempre, não há um órgão que queira trabalhar para fiscalizar essas irregularidades.

            E o que mais atormenta nesse caso é o fato de os motoristas de caros rebaixados terem que andar muito devagar, desviando até de palitos de fósforo, e com isso podem provocar um acidente, além de atrapalharem o trânsito.

            O Brasil, e se incluem nisso todas as suas cidades, está abandonado por todas as autoridades que nele habitam.

            Não se fiscalizam coisas importantes mas sim, estacionamento de zona azul vencido. Aí a multa é certa, mas, não se precisa enfrentar nenhum motorista de carro rebaixado nervoso, vendo seu carro sendo rebocado.

            Triste realidade.

 

Volta Rápida

- Billy Johnson, de 30 anos, fará sua estreia na Monster Energy NASCAR CUP Series na “Toyota/Save Mart 350”, em Sonoma, no próximo fim de semana.

Atualmente ele compete pela Chip Ganassi Team UK, no WEC e em algumas da WTSC - WeatherTech SportsCar Championship . Ele esteve em Le Mans no Ford GT #66 da equipe Ganassi Ford GT e terminou em 28º lugar na classe GTE-Pro.

"Por poder colocá-lo em um carro da CUP, no mais alto nível da NASCAR, no icônico #43 e por deixá-lo mostrar suas habilidades em Sonoma, não poderíamos estar mais felizes por ele ter essa chance", diz o comunicado da Richard Petty Motorsports.

 

- Destaque do automobilismo brasileiro nos Estados Unidos, Matheus Leist testou hoje o carro da Fórmula Indy pela primeira vez em sua carreira, após receber um convite da equipe multicampeã da categoria, a Andretti Autosport.

E o início foi bastante promissor: o gaúcho de apenas 18 anos foi o mais rápido do treino que reuniu outros novatos no circuito de Road America, em Wisconsin, nos Estados Unidos.

Competindo com o carro de Alexander Rossi, o atual campeão da F-3 Inglesa fez seu melhor tempo em tempo em 1min44s7, sendo o melhor entre os novatos que participaram da sessão pela manhã na cronometragem extra-oficial do time. À tarde, os titulares assumiram os carros em Elkhart Lake.

“Foi um treino muito bacana. Consegui fazer muitas voltas, andando metade do dia e na outra metade o Alexander Rossi (campeão da Indy-500 no ano passado). O carro é muito rápido nas curvas e bem diferente do monoposto da Indy Lights. Consegui evoluir bem em todas as saídas com o carro e a equipe Andretti elogiou os tempos obtidos. Foi um dia inesquecível para minha carreira e espero que seja o primeiro de vários com o carro da Fórmula Indy”, diz Leist, que tem como principal objetivo neste ano conseguir bons resultados na divisão de acesso para assim conseguir uma vaga de titular para a próxima temporada.

Matheus Leist venceu a prova da 500 Milhas de Indianápolis pela Indy Lights, prova preliminar das 500 Milhas disputadas pela IndyCar e vencida por Takuma Sato.

 

Fale conosco, estamos esperando sua sugestão sobre matérias, críticas e comentários. Você, amigo leitor, é nosso principal combustível. Esta coluna é feita para você. Nosso e-mail à sua disposição 24 horas, 7 dias por semana é motor14news@gmail.com.

Uma boa semana, automaníacos. Até a próxima.

“Se estivéssemos disputando as 12 Horas de LeMans teríamos vencido”. Bruno Senna, piloto e sobrinho de Ayrton Senna, sobre os problemas enfrentados pelo seu carro na segunda metade das 24 Horas de LeMans, realizada no último final de semana.

 

Reinaldo dos Santos Filho mora em São Manuel/SP, tem 48 anos, é jornalista especializado em automobilismo, administrador de empresas, escritor, piloto profissional e motociclista. Pai do Thiago Augusto, Luís Guilherme e Giovanna.

 

Matéria sob responsabilidade do autor (Mtb 82.886/SP)

colunistas

POWER RACING NEWS 17/10/2017 08:45
POWER RACING NEWS 10/10/2017 09:14
POWER RACING NEWS 02/10/2017 20:45
POWER RACING NEWS 19/09/2017 09:01
POWER RACING NEWS 12/09/2017 08:41
POWER RACING NEWS 05/09/2017 10:09
POWER RACING NEWS 29/08/2017 10:33
POWER RACING NEWS 22/08/2017 09:24
POWER RACING NEWS 08/08/2017 08:24
POWER RACING NEWS 01/08/2017 13:39
POWER RACING NEWS 25/07/2017 09:29
POWER RACING NEWS 17/07/2017 22:06
POWER RACING NEWS 11/07/2017 08:52
POWER RACING NEWS 04/07/2017 10:42
POWER RACING NEWS 27/06/2017 08:25
REINALDO FILHO 13/06/2017 09:17
POWER RACING NEWS 06/06/2017 09:19
POWER RACING NEWS 30/05/2017 09:01
POWER RACING NEWS 23/05/2017 09:48
POWER RACING NEWS 16/05/2017 08:19
Colunista 20