APLICATIVO 21/02/2018 19:50

Eleitores podem acessar o título digital pelo celular

Título de eleitor digital

O aplicativo que traz a versão digital do título de eleitor pode ser baixado no celular. Até a metade do mês passado eram mais 108 mil emissões em todo o País. Cidades como Botucatu onde existem 106 mil eleitores, a expectativa e que boa parte opte por fazer o dowload do E-Título.

Para acessar o documento digital, o eleitor deve baixar em seu tablet ou smartphone o aplicativo do e-Título, desenvolvido pela Justiça Eleitoral e disponível na App Store e no Google Play. Após, deve inserir os seguintes dados pessoais: número do título eleitoral, nome, nome da mãe e do pai e data de nascimento. Assim, o e-Título será validado e liberado. Uma vez acessado pela primeira vez, o documento será gravado localmente e ficará disponível ao eleitor. A novidade foi uma iniciativa do Tribunal Regional Eleitoral do Acre (TRE-AC).

A estatística de emissão significa que, além de realizar o download do aplicativo, o eleitor já inseriu os seus dados e visualizou o título no modo eletrônico. O e-Título só pode ser emitido por aqueles que já foram alistados na Justiça Eleitoral.

Facilidades ao eleitor

A versão digital do título tem novidades em relação à via tradicional, impressa. O documento conta com informações sobre a regularidade da situação eleitoral, dados sobre o cadastramento biométrico e o endereço do local de votação, apresentando ainda um mapa com geolocalização. Representa, portanto, uma grande praticidade ao eleitor, com informações imediatas sobre sua zona e seção eleitorais.

Para os cidadãos que já participaram da biometria, o documento exibe também a foto do eleitor. Por fim, está disponível um QR Code para a validação na zona eleitoral.

O e-Título oferece uma alternativa sustentável à emissão de títulos eleitorais em papel, que continua sendo realizada nos cartórios e demais postos de atendimento. A Justiça Eleitoral prevê ainda impactos financeiros positivos, com a redução dos custos na emissão de segundas vias dos títulos extraviados, em suprimentos de impressora, na aquisição de equipamentos para a impressão dos documentos e no consumo de energia.

Em Botcatu cerca de 10 mil ainda precisam fazer a biometria, sendo que os outros 7 mil têm mais de 70 anos e não precisam fazer a biometria se não quiserem votar. Na região de Botucatu, Pardinho e Itatinga são 126 mil eleitores. Em Botucatu aumentou de 96 mil para 106 mil.

 

Curta o Facebook do Agência14News e fique por dentro das notícias de Botucatu e região: www.facebook.com/agencia14news

(do Agência14News com TRE SP)