PRESO 01/02/2019 16:04

Mulher é estuprada por ex que descumpriu medida protetiva

Na manhã desta sexta-feira (01) por volta das 6 horas, a Guarda Civil Municipal atendeu um caso de estupro, ue culminou na prisão de um homem de 33 anos em Botucatu. 

Uma denúncia feita pelo telefone 199 dizia que uma mulher estava gritando por socorro em uma casa no bairro Jd. Brasil. 

Os GCMs Machado e Wilson chegaram no endereço onde foram recepcionados pela denunciante que indicou de onde vinham os gritos. 

Os agentes entraram no quintal e viram a porta da residência entreaberta, onde flagraram a vítima e o autor em ato sexual, deitados no chão e a mulher pedindo por socorro. Assim, houve a intervenção dos guardas contendo e algemando o agressor. 

A Guarda informa que a mulher se encontrava visivelmente em estado de choque. 

Durante o ato sexual o homem utilizou de força física para calar os gritos da vítima e por essa razão veio a feri-la no rosto. 

Segundo a GCM ficou “esclarecido que o indivíduo era ex-amásio e que a mulher possuia uma medida protetiva em desfavor do invasor. A vítima confirmou que estava sendo violentada sexualmente”. 

A mulher foi encaminhada até o Pronto Socorro UNESP onde passou por atendimento médico. 

O homem de 33 anos foi conduzido até a DDM (Delegacia de Defesa da Mulher) onde a autoridade policial, delegada Ana Paula ratificou a voz de prisão por descumprimento de medida protetiva, lesão corporal e estupro, e em seguida ele foi preso. 

(com GCM)