SÃO MANUEL 11/09/2019 15:39

Concurso entre alunos escolhe símbolo de camiseta do Setembro Amarelo

Foto: Divulgação

No ano de 2018 a Diretoria Municipal de Saúde da Prefeitura de São Manuel realizou entre os adolescentes matriculados em escolas públicas e particulares do Município, um concurso com a finalidade de estimular atividades de valorização à vida, através do incentivo à cultura e cidadania.  No concurso realizado foram selecionados as melhores frases e desenhos que expressaram sentimentos de incentivo as ações preventivas e de promoção à vida.

Um dos desenhos premiados, através de escolha de uma comissão julgadora, foi da adolescente Laura Kozan, aluna da escola Liceu Arcanjo.

O desenho foi utilizado pela Diretoria Municipal de Saúde como logotipo oficial da campanha do Setembro Amarelo 2019, que está sendo desenvolvida, com diversas ações sendo realizadas e está estampado nas camisetas alusivas que foram confeccionadas.

A diretora de Saúde, Patrícia Rossanesi esteve presente na escola no último dia 6, onde presentou a aluna Laura Kozan com uma camiseta, contendo o seu desenho como estampa.

A direção do colégio fez questão de se manifestar nas redes sociais: “Orgulho!”. Na última sexta-feira recebemos a Diretora de Saúde do Município para presentear a aluna Laura Kozan.  O desenho da aluna foi escolhido entre todos do Município para ser o símbolo da campanha SETEMBRO AMARELO desse ano.  Durante todo o mês de setembro os profissionais da saúde usarão a camiseta amarela com a estampa do desenho de nossa aluna.  É muito gratificante termos esse retorno.  Além da formação acadêmica de nossos alunos, percebemos que estamos formando cida dãos com valores fortes, inteligência emocional, éticos; construindo assim em que área for, profissionais de excelência no futuro.  Parabéns Laura Kozan”, se manifestou a direção da escola.

Para a diretora de Saúde, Patrícia Rossanesi, o engajamento de jovens e adolescentes na campanha do Setembro Amarelo é de suma importância. “Muitos casos relativos a depressão e doenças co-relatas se dão durante a fase da adolescência, onde todos passam por muitas transformações e existe a necessidade de um acompanhamento mais de perto por parte de todos nós para entendermos e ajudarmos na resolutividade dos problemas que essas pessoas enfrentam.  Fico feliz que existe em nosso Município, um grande grupo de jovens preocupados e se engajando em nossa campanha”, disse Patrícia. 

(com assessoria)