ITATINGA 07/02/2018 21:08

Funcionárias de creche acusadas de agressão contra crianças voltam ao trabalho

Funcionárias quando foram presas no ano passado.

Duas servidoras públicas de Itatinga (SP) presas em julho do ano passado acusadas de agredir crianças em uma creche municipal voltaram ao trabalho após recorrerem à justiça. 

Elas tinham conseguido habeas corpus em setembro do ano passado e agora por nova decisão puderam retornar ao trabalho no quadro da prefeitura. 

Na época em que os vídeos das agressões vieram à tona, as funcionárias foram flagradas maltrarando os alunos da creche.

Depois dessa divulgação, a polícia pediu a prisão de ambas, a qual foi decretada pela Justiça. Com isso, as servidoras acabaram sendo encaminhadas à Penitenciária de Pirajuí, onde ficaram por dois meses.

Apesar de estarem fora da cadeia, elas cumprem prisão domiciliar, com a obrigação de permanecerem em casa no período das 19h às 7h da manhã seguinte.

A permissão para voltar ao trabalho foi concedida pela Justiça, porém com a restrição de que elas não tenham contato com crianças e alunos.

 

Curta o Facebook do Agência14News e fique por dentro das notícias de Botucatu e região: www.facebook.com/agencia14news


(do G1 com edição do Agência14News)